Sarampo – previna-se

Sarampo – previna-se

O sarampo foi, por muitos séculos, uma das maiores doenças epidêmicas, especialmente em crianças, representando uma das maiores causas da morbimortalidade infantil em todo o mundo. É considerada uma doença grave e pode matar. A vacina é a única forma de prevenção.

Sintomas

O contágio do sarampo acontece através de secreções respiratórias. Os indivíduos expostos podem adquirir as infecções através de gotículas veiculadas por tosse ou espirro, por via aérea.

Os principais sintomas são: febre alta, mal-estar, coriza, conjuntivite, tosse e falta de apetite. Nesse período, podem ser observadas na face interna das bochechas as manchas brancas, que são características da doença.

As manchas vermelhas na pele começam atrás das orelhas e se espalham para a face, pescoço, membros superiores, tronco e membros inferiores. A febre persiste com o aparecimento das manchas.

O período de incubação, geralmente, é de oito a doze dias, a transmissão inicia-se antes do aparecimento da doença e perdura até o quarto dia após o aparecimento das manchas.

Prevenção

A vacina contra o sarampo é eficaz em cerca de 97% dos casos. Deve ser aplicada em duas doses a partir de um ano de vida da criança. Exceção feita às mulheres grávidas e aos indivíduos imunossuprimidos. Adultos, que não foram vacinados e não tiveram a doença na infância, também devem tomar a vacina.

  • Não se descuide do programa de vacinação de seus filhos. A vacina contra o sarampo é a melhor forma de evitar a doença que pode ser grave, especialmente se elas estiverem debilitadas.
  • Procure saber a causa da doença de crianças que convivem com seus filhos.
  • Não deixe de procurar atendimento médico se aparecerem manchas avermelhadas na pele de sua criança, mesmo que ela tenha sido vacinada contra o sarampo.
  • Verifique se você teve a doença na infância ou tomou a vacina quando criança. Em caso de dúvida é melhor procurar um centro de vacinação.

Postos de vacinação

Mais de 4 mil postos de vacinação fixos e cerca de 300 postos volantes estarão abertos neste sábado, 4/8, das 8h às 17h. A campanha de vacinação continua até 31 de agosto. Procure um posto de saúde mais próximo.

 

Quem deve se vacinar

12 meses a 29 anos – 2 doses

30 a 49 anos – 1 dose

50 anos ou mais – não precisa ser vacinado

Não é recomendado

Casos suspeitos de sarampo

Gestantes

Menores de 6 meses de idade

Imunocomprometidos

 

Share

Gisela Vendramini

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Exames Admissionais