skip to Main Content
0800 100 2365 contato@maxilabor.com.br
TESTES PARA COVID E SUAS APLICABILIDADES

TESTES PARA COVID E SUAS APLICABILIDADES

  • Geral

Existem dois principais tipos de testes, um para identificar a presença do vírus (ou seja, pessoa infectada, com ou sem sintomas, mas possível transmissora do vírus) e o outro para identificar anticorpos específicos (ou seja, durante e após infecção para Covid-19).

RT-PCR – O MAXILABOR NÃO VAI REALIZAR ESTE EXAME

Detecta se o indivíduo está com o vírus. A coleta é preferencialmente de raspado de nasofaringe e pode ser feita a partir do 3º dia do início dos sintomas (a quantidade de vírus pode diminuir consideravelmente após o 10º dia, não sendo este o teste ideal após este período).

Finalidade: saber se há vírus ativo no organismo no momento da coleta, podendo assim, aplicar as medidas necessárias de acordo com o caso específico (internação, isolamento social etc.).

 

SOROLÓGICO – RÁPIDO E DE ANÁLISE EM LABORATÓRIO

Detecta presença de anticorpos (IgA (*), IgM e IgG), ou seja, a reposta imunológica do paciente em relação ao vírus. A coleta é de sangue e preferencialmente de 7 a 10 dias após o início dos sintomas.

Todas as pessoas que são infectadas pelo SARS-CoV-2 desenvolvem anticorpos, porém os métodos de diagnósticos podem não detectá-los, principalmente naquelas que apresentam sintomas leves ou são assintomáticas. Desse modo, pode haver resultados negativos na sorologia mesmo em pessoas que tiveram COVID-19 confirmada, ou não, por PCR.

(*) O MAXILABOR não vai realizar o exame de IgA.

Dentro deste tipo de teste temos duas metodologias disponíveis no mercado:

Teste rápido – semelhante ao teste de gravidez em fita, com coleta no local, que se dá com um simples “furo no dedo”. O resultado é apresentado em até 15 minutos da coleta, porém, com menor sensibilidade e especificidade. Identifica os anticorpos IgM e IgG e não o vírus em si e pode ser realizado a partir do 7º dia de sintomas.

 

 

Finalidade: A indicação deste tipo de teste é para a obtenção de resultados rápidos e, consequentemente, decisão da conduta. O resultado deve ser interpretado com os dados clínicos e de outros exames laboratoriais.

OBSERVAÇÃO – Este teste só é aplicado por profissional habilitado. Não pode ser adquirido para ser realizado em domicílio.

Teste de sorologia em laboratório (método ELISA) – realizado em laboratório com preparo da amostra em condições especiais. A coleta de sangue é venosa e o exame tem controles de qualidade, resultado semiquantitativo, com maior sensibilidade e especificidade. Resultado em 1 dia útil, após a entrada da amostra no laboratório e enviado por e-mail.

Nota: é importante ressaltar que um resultado negativo para o teste de sorologia (seja teste rápido ou exame laboratorial) não exclui uma possível infecção. O corpo demora de alguns dias até duas semanas para produzir os anticorpos. A presença do anticorpo IgM sugere uma infecção recente, enquanto a presença do IgG, sugere uma infecção anterior. A concentração de ambos pode ser facilmente diagnosticada pelo médico do paciente.

OBSERVAÇÃO – O MAXILABOR orienta que para resultado negativo de teste rápido seja aplicado o teste de sorologia em laboratório. Caso este tenha apresentado resultado negativo também, é prudente refazê-lo depois de 15 dias.

Fontes: UNAFISCO SAÚDE

 

Back To Top